Diretora dos Químicos vai representar Marília em Conferência Nacional das Mulheres

conferencia

A sindicalista Eliza Aparecida dos Santos, secretaria geral do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Material Plástico, Químicas, Fármaceutica e da Fabricação do Alcool de Marília e Região, integrante do Conselho Municipal da Mulher e da Força Sindical, vai representar Marília juntamente com Lucineide Rosa Darin, do Conselho de Direitos Humanos, e Oziane Santos, da União Brasileira de Mulheres, na Conferência Nacional de Políticas para Mulheres, que acontece em maio, em Brasília . 
Elas participaram como representantes da cidade na conferência estadual, que contou ainda com a presidente do conselho municipal, Lu Santos, além de Mariela Cardoso, Rita Magnani e Tânia Brabo.

Lu Santos, que não irá por causa de compromissos profissionais, destacou a representatividade das delegadas e a possibilidade de a cidade participar na formulação de políticas nacionais.

“O importante é que teremos mulheres atuantes, que vão levar as ideias e propostas da cidade e região, vão participar de um grande debate nacional e trazer novas informações e experiências para valorização da mulher na cidade”, disse.

A conferência nacional acontece entre os dias 9 e 13 de maio. O governo do Estado financia as viagens e a organização da conferência, a cargo da Secretaria especial de Políticas para as Mulheres, banca hospedagem, alimentação e transporte das delegadas.

O encontro deve levantar propostas de políticas públicas para proteção contra violência, valorização no mercado de trabalho, participação na vida política e representatividade das mulheres. Além das delegadas de Marília, participam uma representante de Tupã e a prefeita de Arco Íris, Ana Maria Zoner Leal Serafim.

“O mais importante que são mulheres que de fato representam a sociedade civil de Marília, de perfil múltiplos, pois temos sindicalista, líder comunitária e do movimento feminista e de direitos humanos. Saímos muito satisfeitas com a participação da Conferência Estadual”, disse Mariela Cardoso.

Comments are closed.